Como Montar uma Fábrica de Cocada

Como Montar uma Fábrica de Cocada

Os doces elaborados com coco são consumidos por boa parte das pessoas.

Sua apreciação é por todas as idades.

As cocadas podem ser elaboradas com leite integral e leite condensado.

Para saber mais clique aqui ou ligue 35.3721.8484 ou WhatsApp 35.99704.7091

Para dar cor são utilizados corantes e a queima do açúcar fazendo a cocada queimada que é um doce mais escuro muito gostoso.

Esse tipo de doce ficou tem origens em Angola e países latinos americanos.

Onde a fruta é mais comum.

Também faz parte do acervo da cultura afro e suas denominações são variadas.

Para saber mais clique aqui ou ligue 35.3721.8484 ou WhatsApp 35.99704.7091

 

Clique abaixo para saber mais sobre Fábrica de Cocada

Planta Baixa de Fábrica de Cocada

Projeto de Fábrica de Pastilhado de Coco

Como Montar Fábrica de Doce de Coco

Equipamentos e Máquinas para Fábrica para Beneficiamento de Coco

Panta de Fábrica de Biscoito Passado na Calda

Montar Fábrica de Balas de Coco

Como Montar Fábrica de Processamento de Coco Ralado, Água de Coco e Leite de Coco (Coco Seco),

Planta Baixa de Fábrica de Água de Coco

Projeto de Fábrica de Leite de Coco

 

Para sua elaboração são utilizados ingredientes como:
Coco, água e ou leite, manteiga e açúcar.

O doce pode ser firme, seco e mais mole para consumir de colher.

Algumas receitas utilizam o cravo da índia como ingrediente, pois ele realça o sabor e dá um toque especial ao doce.

Para saber mais clique aqui ou ligue 35.3721.8484 ou WhatsApp 35.99704.7091

Algumas receitas de cocadas podem gourmetizar o doce como:

– Cocada com chocolate;
– Cocada com Doce de Leite;
– Cocada com Doce de Abóbora;
– Cocada com Maracujá e
– Cocada com Morango entre outros.

O coco pode ser ralado mais fino ou mais largo dependendo do tipo do doce elaborado.


Exemplo de Fábrica para Produção de Cocada com capacidade para produção de 3.000 quilos por dia.


Tipo de Inspeção – Federal (MS)

1. Plataforma de recepção de leite e coco;
2. Processamento (área suja);
3. Sala de fabricação de doces (área limpa);
4. Depósito de produtos acabados;
5. Recepção de produtos não aproveitáveis (cascas e sementes);
6. Câmara fria;
7. Depósito de Ingredientes;
8. Depósito de embalagens;
9. Embalagem;
10. Expedição;
11. Caldeira;
12. Escritório;
13. Sala Inspeção Federal;
14. Banheiros;
15. Vestiários e
16. Refeitório