Como Montar uma Fábrica de Coleiras para Cachorro

Existem vários tipos de coleiras para cães.

 

Como Montar uma Fábrica de Coleiras para Cachorro

As coleiras para cachorro podem ser feitas em:


• Couro;
• Aço inoxidável;
• Tecido resistente;
• Nylon;
• Poliéster;
• Neoprene e
• Forradas.

Enfim uma infinidade de tipos e modelos.

Podem ser:

• Coloridas;
• Floridas;
• Estampadas;
• Peitorais;
• Iluminadas e
• Personalizadas.

Pois uma gama diferenciada de padrões está disponível no mercado para agradar e atender as necessidades dos cães e dos donos.

Também existem versões para as coleiras mais conhecidas como:

• Peitorais;
• Tradicionais;
• Com deslizes;
• Eletrônicas;
• Headcollars;
• Cabrestos;
• Focinheiras;
• Enforcadores e
• Comuns somente para identificação.

Para saber mais clique aqui ou ligue 35.3721.8484 ou WhatsApp 35.99704.7091

Como Montar uma Fábrica de Coleiras para Cachorro 1

Clique abaixo para saber mais sobre Fábrica de Coleiras para Cachorro

Planta Baixa de Fábrica de Ração para Cachorro

Projeto de Fábrica de Acessórios

Como Montar Padaria para Cachorros

Equipamentos e Máquinas para Loja de Ração para Animais

Panta de Criação de Cachorro para Venda

Montar Loja para Acessórios Pet Shop

Como Montar Fábrica de Ossos de Raspa de Couro (para Cachorros)

Planta Baixa de Pet Shop de Luxo

Projeto de Empresa para Serviços de Adestramento de Cachorros

Este objeto é indispensável para quem possui um animal de estimação.


Evita acidentes, perdas e são cada dia mais funcionais.

A coleira depende de muitos fatores como:

• Raça;
• Porte;
• Agilidade e
• Força do animal.

Devem possuir sistema de segurança e fechamento fixados por fivelas e devem ser reguláveis.

Por serem responsáveis pela segurança do animal e do contato dele com outros e pessoas as coleiras devem passar por testes de segurança, força e resistência assim que forem confeccionadas.

Também devem passar por testes extras contra acidentes.

Para cada tipo de coleira o dono deverá ajustar o tipo de guia que for mais apropriado levando os fatores em consideração como raça, porte, força e peso.

Algumas guias são mais extensas possibilitando a movimentação mais solta do animal de acordo com a necessidade.

A confecção das coleiras tradicionais tem características normais que são fechadas por fivelas e com intuito de identificação ela é indicada para cães e gatos calmos, brincalhões e para animais tranqüilos que ficam mais em casa.

A maioria delas é feita com materiais em couro, tecido ou nylon.

Algumas coleiras como a de liberação rápida e com deslize já são indicadas para passeios e treinamentos por que ela impeça que ele force ou fuja por exemplo.

Causando uma tração maior ao puxar ela impede que o animal corra por exemplo.

Os animais que utilizam essas coleiras bloqueadoras já são animais mais agitados e dispersos.

Para saber mais clique aqui ou ligue 35.3721.8484 ou WhatsApp 35.99704.7091

A confecção delas geralmente utiliza materiais como:


• Couro;
• Metal;
• Nylon e outros.

Os modelos de coleira peitoral já são utilizados pelos cães maiores, gordinhos e novos.

Podem ser resistentes, porém nunca indicada para treinamentos e passeios.

A não ser quando é utilizada por cães bem pacíficos como o cão guia. Que já passaram por treinamento específico e necessitam dela para que o dono possa segurar com maior facilidade.

Coleiras como enforcadores, headcollars e focinheiras são instrumentos utilizados por cães de raças agitadas, cães ferozes, com histórias de lutas, brigas e agressividade.

Impedem que o animal chegue próximo de outros, bloqueando ao puxar e impedindo o contato com pessoas e outros animais.

A empresa deve se instalar em um local amplo, arejado com condições de abrigar várias dependências e fases da fabricação.

O número de funcionários dependerá da produção pretendida.


Dentre os funcionários podemos destacar:


• Costureiras;
• Embaladoras;
• Vendedores;
• Design;
• Gerente;
• Limpeza;
• Administrador entre outras funções que forem necessárias.

Deverá manter um ou vários representantes comerciais para colocação do produto no mercado, assim como sites destinados a venda com fotos e explicações sobre o produto.

A fábrica também poderá diversificar e ampliar a produção com outros produtos como:

• Cintos de segurança;
• Roupas;
• Acessórios para cães e gatos entre outros produtos.

Respeitando sempre os direitos animais e levando em consideração a segurança, escolha de materiais e controle de qualidade na fabricação.

A fábrica deve manter níveis de estudo em materiais inovadores, conhecer técnicas recentes e adquirir tecnologia adequada para a confecção de coleiras com qualidade e bons preços para colocação do produto no mercado.

Exemplo de Fábrica para Produção de Coleiras com Capacidade de Produção de 100 unidades por dia.


1. Recepção de Matéria Prima;
2. Depósito de Matéria Prima;
3. Sala de Cortes;
4. Sala de Montagem (Costura Acabamento);
5. Passadoria;
6. Revisão e Embalagem;
7. Depósito de Produtos Acabados;
8. Expedição;
9. Escritório;
10. Vestiários e
11. Refeitório.