Como Montar Fábrica Com vários Tipos de Queijos

PROJETOS PARA FáBRICA COM VáRIOS TIPOS DE QUEIJOS
PLANTA BAIXA | ESTUDOS DE VIABILIDADE

ENTRE EM CONTATO

WhatsApp 35.99730.7627


 

Como Montar Fábrica Com vários Tipos de Queijos

ENTRE EM CONTATO

WhatsApp 35.99730.7627

Projeto de Fábrica Com vários Tipos de Queijos


Como Montar Fábrica Com vários Tipos de Queijos

CLIQUE AQUI para saber mais sobre este Projeto e Planta Baixa

 

ENTRE EM CONTATO

WhatsApp 35.99730.7627

 

Existem muitos tipos de queijos pelo mundo todo.

Dentre os mais conhecidos em nosso país (Brasil) estão os tipos:

• Parmesão;
• Mussarela;
• Frescais;
• Ricota;
• Provolone;
• Romano;
• Minas Padrão;
• Cottage;
• Curado;
• Queijo de Cabra;
• Requeijão;
• Gouda;
• Prato;
• Cream Chease;
• Queijo Coalho;
• Brie;
• Roquefort;
• Do reino;
• Colônia;
• Manteiga;
• Canastra;
• Catupiry;
• Gruyere;
• Cheddar entre outros.

Os queijos são conhecidos no mundo todo e cada país tem sua especialidade e sua cultura que permite fabricações diversas.

Entre os mais famosos do mundo estão os queijos franceses que ocupam a lista do topo em sabores e texturas diferenciadas.

Os ingleses e holandeses também são bem difundidos mundialmente como é o caso do Cheddar e o Gouda que são elaborados com leite de vaca e seus sabores são mais pronunciados.

Os queijos Suíços são conhecidos por seus buracos causados pela fermentação e temperatura ideal.

Seus sabores são fortes e picantes.

Os italianos são os queijos que tem as características mais parecidas com os brasileiros devido à imigração italiana ter fortes influências no Brasil.

Como é o caso dos tipos: Gorgonzola, Mussarela, Parmesão e Provolone entre outros.

E os característicos fabricados no Brasil como são o caso do queijo Minas, Requeijão, Minas Padrão e Canastra são queijos que possuem fermentação diferenciada influenciada pelo clima e modo de fabricação.

As classificações dos queijos variam entre: Maturados, Frescos e conteúdo de gordura e umidade.

As etapas de fabricação do Produto iniciam com a recepção do leite que é a matéria prima dos queijos, pasteurização, resfriamento, fabricação do produto com temperatura e coagulação do leite, Prensagem, salga e maturação.

Após este processo o produto poderá ser enviado para o armazenamento, embalagem e venda do produto final.

O produto deverá ser analisado e passar por controle de qualidade na fabrica observando se está livre de contaminações e próprio para a venda.

A legislação informa todos os procedimentos que devem ser atendidos a rigor evitando assim aborrecimentos, perda de produto e interdição do estabelecimento.

O produto deve seguir para armazenamento atendendo as especificações para cada tipo de queijo em relação ao armazenamento, temperatura, luminosidade, ventilação e embalagem.


Exemplo de Fábrica de Laticínios de Queijos

Tipo de Inspeção - Federal (SIF)

Algumas etapas da fabricação:

1. Plataforma de recepção de leite;
2. Laboratório físico-químico;
3. Laboratório microbiológico;
4. Seção para fabricação de queijos;
5. Câmara de salga;
6. Câmara de maturação;
7. Câmara de produtos embalados;
8. Setor de embalagem;
9. Expedição;
10. Depósito de embalagens;
11. Depósito de ingredientes;
12. Caldeira;
13. Área de frio;
14. Escritório;
15. Sala Inspeção Federal;
16. Banheiros;
17. Vestiários e
18. Refeitório.

 

ENTRE EM CONTATO

WhatsApp 35.99730.7627